nov 20 2008

Estudo demonstra que passar tempo online é bom para desenvolvimento dos jovens

Categorias: educação,internet,midias,pesquisa,redes sociaisSuzana Gutierrez @ 09:06

Um novo estudo da MacArthur Foundation, que pretende ser um dos mais completos sobre os hábitos dos adolescentes online, revela que o tempo que os adolescentes despendem conectados à internet, interagindo em redes sociais, navegando e jogando é importante para o desenvolvimento de qualidades que serão necessárias para viver e ter sucesso hoje e no futuro.

Misuko Ito, pesquisadora da Universidade da Califórnia, Irvine conta que os resultados da pesquisa podem surpreender os pais e derrubar alguns mitos. “Perder” tempo online não é perigoso e não cria preguiçosos e sedentários. Ao contrário, é essencial para que os jovens desenvolvam as habilidades técnicas e sociais necessárias para serem cidadãos competentes na era digital.

A notícia na MacArthur Foundation saiu na primeira página do New Yort Times: Teenager’ Internet Socializing Not a Bad Thing

A pesquisa, liderada por Mizuko Ito, Peter Lyman e Michael Carter, contou com mais de 28 pesquisadores. Durante 3 anos a equipe entrevistou 800 jovens e suas famílias e passou mais de 5000 horas observando adolescentes em sites como o MySpace, Youtube, Facebook.

Entre os achados de pesquisa: os ambientes online oferecem aos adolescentes excelentes oportunidades de desenvolvimento da sociabilidade, de participação na vida pública. Motivam a aprender com o outro e em rede. Por outro lado, os jovens precisam dar conta desta sua presença online e dos desafios de manejar a visibilidade, a identidade e as relações sociais no ciberespaço.

Mais detalhes: New Study Shows Time Spent Online Important for Teen Development e em digitallearning.macfound.org.

update:
relatório no site do Digital Youth Project
post da danah boyd
mais no Boing Boing

update 2:
ainda não li os relatórios de pesquisa.

Tags: , , , , , , , , ,


fev 01 2008

Sete links que vale a pena conferir

Categorias: links,livros,recursos,tecnologiaSuzana Gutierrez @ 03:44

Ei! Já sei que muitos gostaram dos links que estou publicando frequentemente. E alguns estão usando os comentários para relatar as suas experiências de uso de alguns destes recursos e aplicativos e isso é muito bom.

Eu não tenho tempo para fazer uma avaliação profunda da maioria deles e, socializar aqui, é uma forma de abrir para o debate. Então, quem está lendo os links abaixo e conhece alguma coisa sobre eles, use os comentários e conte para nós 🙂

Google Docs Bar – Companion for Firefox – extensão para o Firefox que coloca os documentos do google docs numa barra lateral.

FireFTP – cliente FTP para Firefox

WebMynd – Home Extensão para o Firefox que guarda todas as páginas visitadas na semana (gratuito) ou por mais tempo (pago)

Download YouTube Videos! – aplicativo para baixar e salvar vídeos do YouTube

Overstream – aplicativo web para por legendas em vídeos – dica Midias na Educação

PanImages – busca imagens em multiplos idiomas a tradução é automática Flickr + Google

Librarian Chick & FOSSwiki – lista de livros, aplicativos e recursos educacionais livres e de código aberto

Tags: , , , , , , , ,


jan 31 2008

Se tu não YouTube, quem sabe a gente LinTube?

Categorias: links,recursosSuzana Gutierrez @ 06:29

O LinTube é um repositório só de vídeos sobre o Linux.

Bem interessante para quem quer aprender mais e sair da prisão do software proprietário.

Via: Felipe Machado

Tags: , ,


jun 19 2007

Flickr e Youtube

Categorias: imagem,software,tecnologiaSuzana Gutierrez @ 12:31

Agora com a opção de acesso usando o português.

Recentemente, numa disciplina do Curso de Pós-graduação em Informática na Educação da UFRGS, os alunos e alunas realizaram trabalhos em grupos sobre diversos aplicativos, entre eles o Youtube e o Flickr. Uma das maiories dificuldades enfrentadas neste trabalho foi a barreira da língua. Muitos professores não dominam o inglês que é a língua mais usada na internet.

Dez dias depois aí estão eles, Flickr e Youtube, com versões em português. Eu penso que foi vantagem para os alunos ter de pesquisar e trabalhar na página em inglês, pois assim superaram um limite que vai possibilitar que ousem mais na busca de conhecimentos.

… só pra registrar 🙂

Tags: , ,