nov 02 2014

a ordem da desordem (sempre!)

Categorias: políticaSuzana Gutierrez @ 19:34

trio esperança - Henfil

Talvez um modo de recomeçar seja repetir. Lembrei disso hoje 🙂

Não sei porque me remete as “manifestações” em São Paulo…

(será que tem alguma esperança para aquele povo?)

Anônimo: O teu blog é bem desenhado. Você esta fazendo doutorado em educação. Não entendo por que você gasta teu tempo com divagações improdutivas. Não deveria ser ao contrário?

Eu: Prezada ou prezado anônimo. Não tenho nenhuma ambição de que as minhas divagações sejam produtivas. Aliás, que os deuses pequenos, grandes e muito pequenos me livrem disso. Mas, se vale a dica, escrever ajuda a pensar.

Anônimo: Imagine um cyber espaço com bilhões de Terabytes repetidos. Colocamos um compactador e não sobra muita coisa. Mesmo assim o fenomeno blog continua crescendo. Não acho na internet como se pinta uma parede, mas acho zilhões de informações que não levam a lugar nenhum.

Eu: Pois é, anônimo (aposto que é O anônimo), os mecanismos de busca não são perfeitos. Idem os nossos “mecanismos” de “procura”. Mas, … se a coisa fosse quadradinha, filtrada, decantada, classificada demais, se perderia muita coisa. E pode ser justamente aquilo que não estávamos procurando , mas que acaba sendo uma poderosa surpresa. Eu, pessoalmente, prefiro a tendência (a ordem da desordem) do que a ordem, a determinação.

(comentários, 26 out 2008)

Tags:


out 25 2010

Tempos estranhos

Categorias: academia,cmpa,doutorado,políticaSuzana Gutierrez @ 13:54

Eu nunca pensei que a reta final do meu doutourado fosse coincidir com a instigante  reta final das eleições presidenciais no Brasil. Está sendo difícil escrever uma tese na qual falo de trabalho, tecnologia e educação no contexto de uma sociedade capitalista que imprime toda uma lógica em todos estes processos e, ao mesmo tempo, observar esta lógica em curso, exacerbada pela luta entre duas visões de mundo essencialmente diferentes.

É com agradável surpresa que constato na prática algumas coisas, como extensão do acesso à internet que vai bem além dos +- 25% dos brasileiros que possuem computadores e conexão, conforme o IBGE. Não fosse isso, as grosseiras manipulações da mídia monopolizada passariam como sempre passaram. Estas eleições estão mostrando claramente um caminho de construção possível de outra hegemonia.

E eu, por ter de me dedicar integralmente a tese, estou perdendo aulas incríveis como as do Prof Emir Sader, todos os dias (hoje será às 21h), e experiências interessantes como as que o José de Abreu tem trazido. Os dois, sem este espaço na grande mídia, encontram nas TIC uma forma de compartilhar um outro tipo de informação. Aliás, recomendo muito à quem só lê grande jornal e vê TV aberta (qualquer um ou uma!) que procure outros canais.

Nos blogues e nos canais alternativos de mídia a possibilidade de obter um outro tipo de informação.

Neste momento político, em especial, recomendo:

Agência Carta Maior
Amálgama
Biscoito Fino e a Massa

E, enquanto isso eu escrevo, escrevo, escrevo.  Com saudades do meu colégio e de meus alunos.

Colégio Militar

CMPA

* estes dias, quando vinha voltando da UFRGS, o CMPA parecia especialmente iluminado.

Tags: , ,


out 08 2010

Uma contribuição à campanha política

Categorias: Brasil,políticaSuzana Gutierrez @ 13:36

Pensar e discutir o futuro a partir de temas como estes >> clique as imagens para ver em tamanho grande
*créditos: Bruno Barros
** a ideia veio de Proposta de Viral, compartilhada por Idelber Avelar
**** a inexatidão em alguma concepção de uso dos números não altera a tendência

[update] O Idelber entrou na proposta e recomenta este texto para aprofundar alguns pontos para debate.

[update 2] Juntei todas as contribuições

Lula x FHC I

Lula x FHC I

PT x PSDB

PSDB (FHC- Serra) x PT (Lula-Dilma) por Bruno Barros

Lula x FHC

Lula x FHC III

Tags: , , ,


out 03 2010

Porto Alegre

Categorias: política,porto alegre,RSSuzana Gutierrez @ 08:41

porto alegre

O sol não queria aparecer em Porto Alegre: tímido e fraquinho, escondido no meio da névoa e dos 10º que fazem lá fora. Saí cedo, a cidade sonolenta ainda, as ruas desertas. Eu gosto desta ‘peregrinação’ até a minha velha seção eleitoral, atravessando a cidade e vendo a metamorfose dos espaços.

Como já falei em outros tempos, eu voto na mesma seção eleitoral, nunca troquei. Assim, visito de tempos em tempos a minha ‘escola primária’.  Os prédios já sofreram reforma e se descaracterizaram um pouco, mas os muros são os mesmos e a paineira gigante ainda está lá, sem espaço para que suas raizes continuem  servindo de ‘ferrolho’ nas brincadeiras de pegar.

Votei tri rápido e, enfim o sol apareceu 🙂

Vou fazer um café \o/

/atualizando

O RS elegeu Tarso, na esteira de uma visão de mundo e, também, nas lembranças boas que temos do PT no governo.  Pena o Brasil não ter feito o mesmo com Dilma no primeiro turno.

Mas, como disse alguém que soube a importância de resistir, “só se pode prever a luta”.

Tags: ,


out 02 2010

#Dilma #Paim #Abgail #Tarso #13

Categorias: Brasil,política,porto alegre,RSSuzana Gutierrez @ 22:48

A pauta de amanhã 8)

Tags:


mar 01 2010

reações na web – Serra x Dilma

Categorias: midias,política,tecnologia,ticSuzana Gutierrez @ 01:05

Segundo o ReadWriteWeb Brasil, o UberVu, que é um serviço de monitoramento de referências nas mídias sociais, lançou uma novidade: o Compare. Além de mapear as referências ao assunto solicitado, permite comparar com as referências a outro assunto.  Interessante.

Para testar, usei dois assuntos que serão referência durante este ano e vejam os resultados (clique para aumentar):

serra x dilma

compare as referências à Serra e Dilma

serra x dilma

resultados em diversas midias

/continuação:
O serviço é pago para informações e relatórios mais detalhados. Uma avaliação das referências positivas e negativas está entre as opções pagas. Isso começaria a qualificar um pouco os resultados.
Dados quantitativos são apenas uma parte do que se pode verificar sobre um determinado fenômeno ou assunto. Dizem alguma coisa sobre o contexto onde se inserem, porém, um maior conhecimento deste contexto aliado a outros dados qualitativos é que vão aproximar os resultados da realidade.
E mais:
-termos de pesquisa ambíguos ou que são comuns a mais de um assunto vão alterar ou inviabilizar algumas pesquisas.
-os resultados majoritariamente são do Twitter em relação à outros meios. (explicável, quem arrisca?)

Mesmo considerando estas limitações, é uma ferramenta interessante para verificar a temperatura de algum assunto em determinado momento.

Tags: , ,


jan 27 2010

FSM – Harvey e a transição anti-capitalista

Categorias: movimentos sociais,mundo,política,teoria,visão de mundoSuzana Gutierrez @ 16:20

Ontem assisti o primeiro debate da reunião de 10 anos do Forum Social Mundial.  Entre as participações enriquecedoras de Susan George, Paul Singer,  João Felício, foi a fala de David Harvey que mais me empolgou.  Harvey, nos últimos tempos vem trabalhando na perspectiva de organizar uma transição anti-capitalista e foi este, dentro do tema proposto para o debate – A Conjuntura Econômica Hoje – , o foco escolhido para a sua fala.

Marco Weissheimer sintetizou muito bem a maioria dos pontos abordados por Harvey, em especial, o que no meu enterder foi o cerne de sua exposição:

Não basta, portanto, denunciar a irracionalidade do capitalismo. É importante lembrar, assinala Harvey, o que a Marx e Engels apontaram no Manifesto Comunista a respeito das profundas mudanças que o capitalismo trouxe consigo: uma nova relação com a natureza, novas tecnologias, novas relações sociais, outro sistema de produção, mudanças profundas na vida cotidiana das pessoas e novos arranjos políticos institucionais. “Todos esses momentos viveram um processo de co-evolução. O movimento anti-capitalista tem que lutar em todas essas dimensões e não apenas em uma delas como muitos grupos fazem hoje. O grande fracasso do comunismo foi não conseguir manter em movimento todos esses processos. Fundamentalmente, a vida diária tem que mudar, as relações sociais têm que mudar”, defende. [ler na íntegra o artigo na Agência Carta Maior]

O que eu acrescentaria é que Harvey abordou o tema proposto de forma dialética, a partir da totalidade. Totalidade, como um todo concreto e relacional, constituído por múltiplas determinações e mediações históricas,  na qual as contradições  são o movimento que desenvolve a possibilidade de uma transição anti-capitalista dentro da atual conjuntura econômica mundial. Uma aula de método dialético e de marxismo.

Essencial a sua afirmação de que é inevitável chegarmos a um ponto de inflexão na história do capitalismo,  sem determinismos lineares, mas considerando a contradição entre os limites de possibilidade de expansão e a necessidade sistêmica da manutenção do crescimento. São estas oscilações quantitativas que determinam as mudanças qualitativas.

Harvey propõe uma teoria da transição que considera dialéticamente 7 momentos, fundamentados na análise de Marx sobre a transição do feudalismo para o capitalismo:

1 – as formas tecnológicas e organizacionais de produção, troca e consumo.

2 – a relação com a natureza

3 – as relações sociais entre as pessoas

4 – visões de mundo (ou concepções mentais do mundo) envolvendo o conhecimento, cultura e crenças.

5 – o processo de trabalho e produção de bens específicos, de serviços, de influências.

6 – os arranjos legais, intitucionais e governamentais.

7 – a direção da vida cotidiana que sustenta reprodução social.

A mudança será efetiva se for conjunta em todas estas frentes, que são  relacionadas. Eu acrescentaria, me valendo de Mészaros (O poder da ideologia), que é necessário assegurar continuidade na mudança e mudança na continuidade, além de pensar o imediato, como imediato estratégico, como transformação que não possa ser tomada ou revertida.

Assim, é importante que o FSM não seja um evento auto-contido no seu espaço tempo de realização, que seja avaliado constantemente, pela ressignificação de suas finalidades e objetivos.  Eu penso que um outro mundo é possível, mas estou consciente de que o caminho é importante e que o rumo deve ser continuamente conferido.

Tags: , , ,


jan 20 2010

informação, comunicação, educação e pesquisa

Nos últimos dias tenho lido muito, pensado muito e escrito muito pouco 🙂  Beirando aquele ponto no qual a quantidade (de informações) acaba alterando a qualidade, aumentando a fragmentação e  desinformando.  Mas, … este blog serve, também, para manter registros e sinalizar por onde andava su nesta semana.

Leituras

Como deve ser a escola que atende aos interesses e ideais da classe trabalhadora do campo e da cidade? Essa é a principal questão colocada no livro “Escola Itinerante – na fronteira de uma nova escola“, de Isabela Camini, publicada pela editora Expressão Popular. in MST.org

Isabela é minha colega na UFRGS, na linha de pesquisa Trabalho, movimentos sociais e educação. O livro pode ser adquirido na Expressão Popular que tem bons preços e os livros (encadernações) são de excelente qualidade. A editora Expressão Popular tem blogue e twitter.

Pesquisadores

O Rogério Christofoletti compilou uma interessante lista dos endereços “Twitter” de diversos pesquisadores na área da comunicação.  Esta semana pretendo tirar um tempo para ir conhecendo os colegas que ainda não conheço.  E já solicito:  coloquem no perfil do twitter o endereço de seus blogues 🙂 – Lista de Pesquisadores no Twitter

Haiti

É bom transcender o Jornal Nacional, a Veja, a Zero Hora e toda a nossa midia que está tendo xiliques com o PNDH e ler alguma coisa que não seja espetaculenta, imediatista e incompleta. Recomendo:

Os pecados do Haiti – por Eduardo Galeano para a Agência Carta Maior.

O que você não está ouvindo sobre o Haiti, mas deveria estar – Carl Lindskoog para Operamundi.

EUA ocupam o Haiti – síntese do Dialógico

Tags: , , , ,


nov 13 2009

Os muros invisíveis

Categorias: mundo,políticaSuzana Gutierrez @ 12:01

Quem vive a história de seu tempo e não a dissocia de seu contexto e de seu devir é responsável por apontar aquilo que que não é óbvio, o que se esconde e o que é escondido. Quando algo  é mostrado, chamar a atenção para o que permanece na sombra como se não existisse.

Quando vi as celebrações do aniversário da queda do muro de Berlim, que este ano faria 48 anos e que morreu aos 28 anos,  não posso deixar de lembrar do muro que fará 48 anos no dia 7 de fevereiro de 2010. Um muro invisível mas nem por isso menos cruel: o embargo econômico, comercial e financeiro contra Cuba.  Um muro construído e reconstruído cotidianamente e que, como o outro,  tem sua história.

((só para registrar))

Tags: , , ,


ago 09 2009

uma pergunta…

Categorias: ciência,políticaSuzana Gutierrez @ 14:57

Por que suspendem as aulas e não cancelam os shows e nem fecham os shopping centers?

Mesmo em tempos de excessão as prioridades são mantidas e, por isso, deixadas evidentes.

Update: como as perguntas vão surgindo, acabei por descobrir algumas respostas aqui:

Portal Ecodebates

Tags: , , ,


ago 08 2009

enquanto isso, no RS…

Categorias: política,RSSuzana Gutierrez @ 16:29

yeda_parlapatices

Tags: ,


ago 06 2009

O Rio Grande do Sul esperava

Categorias: política,porto alegre,RSSuzana Gutierrez @ 14:15

e ontem, enfim,  o  Ministério Público Federal entrou com uma ação civil de improbidade administrativa.  Nem vou escrever à respeito 🙂 vou apontar:

)) Ministério Público Federal pede afastamento e bloqueio de bens de Yeda Crusius – RS Urgente

)) RS: Oposição reforça Impeachment e CPI contra Yeda – Agência Chasque

)) Dez anos esta tarde – O Incrível Exército Blogoleone

)) o povo versus crusius – Bereteando

)) Governo lúmpen tombou – Diário Gauche

)) Recordar é viver… – La vieja bruja

)) Jornalismo chulepento* – O Dialógico

)) 20 deputados e 20 mil assinaturas apóiam CPI – RS Urgente

Tags: , ,


jul 21 2009

Coisas óbvias

Categorias: políticaSuzana Gutierrez @ 13:54

Se todo mundo que tiver 38º de temperatura procurar um posto de saúde será o caos!

(resta saber à quem serve o caos)

Tags: , ,


jun 28 2009

#honduras

Categorias: movimentos sociais,política,tecnologiaSuzana Gutierrez @ 10:14


Achei mesmo a vocação do Twitter: a articulação agil dos movimentos sociais.

Quando @suzzinha divulga antes de @BreakingNews o sequestro dos embaixadores de Nicarágua, Cuba e Venezuela não significa que tenho informantes direto dentro de Honduras e, sim, que escolhi a Telesur como canal de notícias.

((@denisearcoverde lembrou-me da transmissão ao vivo, via Twitter))

Acompanhe a crise:

@TelesurTv

Site da Telesur

Rádio Globo de Honduras

)) foto: brincando :))

)) 16:15 +- #honduras não mais nos “trending topics” do Twitter. Quem está interessado em Honduras e suas mazelas? Me lembrei de Eduardo Galeano: “a rainha Vitória, enfurecida, pediu um mapa da América do Sul, riscou uma cruz sobre a Bolívia e sentenciou: “Bolívia não
existe.” Para o mundo, com efeito, a Bolívia não existia nem existiu depois” (de As veias abertas da América Latina).

)) 30/06 O Idelber assumiu o leme e está reunindo informação relevante e coerente sobre o golpe. (note-se que a midia brasileira só começou a chamar de golpe umas 24h depois, mesmo depois da manifestação de Lula)

Tags: , , , ,


maio 10 2009

midia, tecnologia, pesquisa e suas relações

Categorias: pesquisa,política,tecnologiaSuzana Gutierrez @ 04:50

aloeUm pouco entediada de constantes anúncios de morte e missa de sétimo dia de tecnologias e midias, fiquei pensando… Não sobre uma inutilidade de se pensar sobre isso, porque pensar é sempre bom, mas sobre o erro estratégico de centrar a reflexão nas coisas em vez de nas relações e, … pior, de tentar isolar coisas e relações.

Não dá para cercar como unidade de análise blogs ou blogueiros (ou Twitter e twitteiros), pois estas práticas (e não tecnologias) não são estanques. O que faz um desenho todo especial de percursos, ações, reações, usos e desusos, estratégias, ligações é a prática social das pessoas.

Esta prática imbrica midias diversas, suportes diversos, numa totalidade de pessoas, artefatos, relações, bem como de condição de criação de usos, de artefatos e relações. O campo de pesquisa são as práticas que se constituem e não a tecnologia ou um entorno fechado em torno da tecnologia, mesmo que este e aquela tenham influência grande em todos os processos.

imagem de brewbooks

Tags: , , , , ,


Próxima Página »