jan 24 2006

MEC promove concurso de textos com linguagem de blogs

Categorias: sem categoriaSuzana Gutierrez @ 09:43

O Ministério da Educação premiará os melhores textos literários que utilizarem a linguagem de blogs, e-mails, comunidades virtuais ou grupos de discussão. O objetivo da ação é atingir os recém-alfabetizados dos seus programas de Educação de Jovens e Adultos.

A iniciativa é inédita e vai premiar com R$ 10 mil os melhores textos literários escritos na linguagem de blogs, e-mails, comunidades virtuais ou grupos de discussão no concurso Literatura Para Todos.

A disputa inclui outras categorias de textos, também raros em publicações específicas, para recém-alfabetizados (roteiros de vídeo, cinema e quadrinhos; esquetes, scripts, peças teatrais, biografias ou relatos de viagem e textos de tradição oral), além dos tradicionais contos, novelas, crônicas e poesias. Os oito textos premiados receberão R$ 10 mil, cada, e serão publicados com uma tiragem inicial de 300 mil exemplares, em livros que vão ser distribuídos aos alunos do programa Brasil Alfabetizado em todo o país.

A inclusão do item TICs (Tecnologias de Informação e Comunicação) na Literatura Para Todos “não se refere à produção de textos ‘didáticos’ ou ‘explicativos’ sobre estas ferramentas”, explica Tancredo Maia Filho, coordenador do concurso no MEC, por nota. “A proposta é gerar textos de natureza literária (ficcional) utilizando formatos específicos das TICs – como, por exemplo, trocas de e-mails ou estruturação de um blog”, explica.

Outra possibilidade para os concorrentes, diz Maia, “é desenvolver textos de natureza literária (ficcional) envolvendo temas pertinentes às TICs”. Segundo ele,”o objetivo principal é aproximar destas ferramentas os leitores recém alfabetizados, tendo em vista a aproximação
deles aos temas e linguagens contemporâneas e a processos futuros de inclusão digital”.

O secretário de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade do MEC, Ricardo Henriques acredita que os autores selecionados pelo concurso serão capazes de atrair os jovens e adultos em processo de alfabetização, pois “o que há disponível, hoje, para os novos leitores são livros clássicos, com linguagem adaptada para iniciantes, ou livros infantis”.

Fonte: WNews

Entradas Relacionadas

Comments are closed.